Seguidores

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Nem

Nem

Nem tudo que venha
Nem tudo que se vai
Nem tudo que se move
Nem todas as estrelas
Nem todas as musas
Nem tudo que confio
Nem todo teu ciúme
Nem toda intempérie
Nem tudo que digam
Nem tudo é ilusão
Nem toda façanha
Nem toda lasanha
Nem toda cerveja
Nem todos os amigos
Nem toda distancia
Nem toda a falta de luz
Nem todos os dias escuros
Nem toda chuva forte
Nem todos os relâmpagos
Nem todo granizo
Nem todos os degraus
Farão desistir

Ulisses Reis®
02/03/2008

Um comentário:

Arigi Kuwanna disse...

Olá querido Ulisses,
Td bem?
Ainda bem que nada fará desistir :-),
Sei que já falei um monte de vezes, mas como andei um tempinho ausente, por conta de estudos, novas adaptações e claro o cotidiano, enfim, hj tirei p/ só p/ te ver (ler) :-)
mais umas vez me instiga, intriga e inspira...
Preparar-te-ei-te um merecido carinho!
Bjos se cuida e tenha um lindo dia